30/01/2012

SER VETERINÁRIO



Ser Veterinário não é só cuidar dos animais,
É sobretudo amá-los não ficando somente nos padrões éticos de uma Ciência Médica.
Ser Veterinário é acreditar na imortalidade da natureza e querer preservá-la sempre mais bela.

Ser Veterinário é ouvir miados, mugidos, balidos, relinchos e latidos, mas principalmente entendê-los e amenizá-los.
É gostar de terra molhada, de mato fechado, de luvas e chuvas.
Ser Veterinário é não se importar se os animais pensam, mas sim, se sofrem.
É dedicar parte de seu ser à arte de salvar suas vidas.

Ser Veterinário é aproximar-se de instintos.
É perder medos.
É ganhar amigos de pêlos e penas, que jamais irão dececioná-lo.
Ser Veterinário é ter ódios de gaiolas, jaulas e correntes.

É perder tempo apreciando rebanhos e voos de gaivotas.

É permanecer descobrindo, através dos animais, a si mesmo.

Ser Veterinário é o único capaz de entender rabos abanando, arranhões carinhosos e mordidas de afeto.



É sentir cheiro de pêlo molhado, cheiro de almofada com essência de gato, cheiro de baias, de curral de esterco.
Ser Veterinário é ter coragem de penetrar em um mundo diferente e ser igual.

É ter a capacidade de compreender gratidões mudas, mas sem dúvida alguma, as únicas sinceras.
É adivinhar olhares, é lembrar de seu tempo de criança, é querer levar para casa todos os cães vadios sem dono.

Ser Veterinário é conviver lado a lado com ensinamentos profundos sobre o amor e a vida.
"Todos podemos nos formar em Veterinária, mas nem todos nós seremos Veterinários".


Você o que é?



Sou veterinária, como sabem. Por outro lado seria presunção minha se todas as frases refletissem a minha realidade, por inteiro. Contudo, na vida, tudo se aprende e se evolui. E por cada dia de caminhada que passe, anseio que seja cada vez melhor, para mim e para eles.


Post editado em 2009



15 comentários:

Maria de Fátima disse...

Olá Mary Paula, o poema é muito lindo.Bem hajas por seres a veterinária que és.Beijocas grandes.

Siala ap Maeve disse...

MP...um poema fabuloso sem dúvida. As palavras transmitem sentimento...e do pouco que te conheço ainda pelo menos aqui nesta vida lol reconheci-te em cada uma delas! Lindo! Estamos sempre a crescer, até morrer e muito para além do renascer :)
Bjos de Luz

Caty Joao disse...

O poema es tu!

SIALAC disse...

Boa noite!

Vimos inspirados destas retemperadoras férias!

Muito bem "keep in shape".

Beijinhos,

Nuno C2l2is

Ana Cavaca disse...

Olá Paula,
Minha querida amiga, o poema é muito bonito e traduz bem a realidade de seres a veterinária que és...
Bjs

Maria Paula Ribeiro disse...

Olá Mimi,

Temos que agradecer à Maria José, pois não sou a autora.
Mimi, obrigado pelos votos de confiança.
Beijo grande

Maria Paula Ribeiro disse...

Siala,

"pelo menos nesta vida", lol lol e com o teu post de hoje, digamos que o nosso Karma para com as duas é salutar!!!!
Obrigado

Beijos de luz

Maria Paula Ribeiro disse...

Caty!!!!

;-))))) Exagerada!!!!!!!!!!
Beijo grande

Maria Paula Ribeiro disse...

Nuno,

:-) Retemperada, sim!

;)Beijinhos grandes!

Maria Paula Ribeiro disse...

Ana Cavaca,

Muito lindo!
Eu também o sou, he he he he he

Grazzie, linda
Beijo

António Rosa disse...

Lindo!

Maria Paula Ribeiro disse...

António,

:-) Como eu, :-))))

Joel Pinto disse...

Fabuloso...
Se não te vês nele a 100%, olha que não deve faltar muito. E, depois, a perfeição, pode muito bem ser nossa inimiga.

Jinhos grandes

Maria Paula Ribeiro disse...

Joel,

Mania da perfeição....
Jinhos e obrigado

Caty Joao disse...

Exagerada, não!
Realista, sim!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...