29/12/2008

NATAL EM PARIS


Entre muitas prendas, de grande valor sentimental, a que tive direito ao longo deste ano, recebi uma na minha caixa de correio: um bilhete para o Natal em Paris, de encontro ao meu mano, cunhada e sobrinha. Se ao longo deste ano aprendi um pouco a aceitar "viver o presente e o momento", como que se numa onda surfasse, lá fui eu então, rumo à cidade da Luz.
Conheço Paris, não tão maravilhosamente bem como o "GPS" do meu mano, pelos tempos de "emigrante" nascida no meu país natal, mas por ter sido onde se localizava parte da família, embora toda a minha infância não fosse lá passada. O meu irmão estabeleceu-se por Paris e as oportunidades de ter estagiado e a possibilidade de poder passar algumas férias foram-se proporcionando mais amiúde.
Paris é uma cidade mística, não só pelo patriotismo francês e magnanimidade da cidade em si, mas também pelo enorme valor cultural e arquitectónico que me fascinam.
Para além da época festiva, per si, tinha-me proposto, conhecer alguns meandros culturais que me despertaram curiosidade.

2007 foi o ano que descobri o médico e pedagogo Hippolyte Léon Denizard Rivail, sob o pseudônimo de "Allan Kardec", que transmutou em parte a minha visão de vida imbuída por novos ideiais. Quis este ano, que fosse conhecer o último lugar onde reside.

"Allan Kardec" Fundador da filosofia espírita: Todo o efeito tem uma causa; toda a causa inteligente tem um efeito inteligente; a potência da causa é proporcional à grandeza do efeito.

"Nascer, morrer, renascer de novo e progredir sem parar...Essa é a Lei"

Continuando o meu roteiro histórico, de Père Lachaise, sigo o meu trajecto cultural para o Panthéon, pelo metro. O que acho incrível é a mistura de etnias que encontramos, o que torna sempre a viagem no mínimo engraçado e até cómico, pois para além do português, francês, inglês, italiano e espanhol, que até reconheço, muito mais pude assistir naqueles "hieróglifos falantes" de asiáticos, africanos, americanos e oceanias. Acho sempre misterioso esse fenómeno de tanta mistura por metro quadrado...Tudo gira como se a diferença racial não se fizesse sentir; onde todos caminham em paralelo ou em sentidos contrários, como de um filme sem som se tratasse.
No Panthéon, quis de novo, voltar "com olhos de ver" o famoso pêndulo do Astrónomo Léon Foucault que demonstrou a rotação da terra, instalado pela primeira vez em 1851, desmontado antes que o futuro Napoleão III restituísse o monumento à Igreja Católica. O pêndulo viria a ser de novo instalado por Camille Flammarion aquando da vaga de anticlericalismo do governo, na véspera da lei de separação da Igreja e do Estado (1905), no âmbito de uma divulgação mais larga da cultura científica. A esfera actual data de 1995.


O pêndulo de aço, pendurado por um fio de aço de 67 metros, oscila cada 8 segundos, deslocando-se cada volta completa de 2,5 mm. A demonstração visual de Foucault veio corroborar a razão de Copérnico e Galileu.


Pude assistir nesse dia a uma excelente aula de 90 minutos de demonstração dessa história.
Nas criptas do Panthéon, podemos encontrar célebres personagens da história francesa que repousam – tais como escritores, cientistas, generais, políticos, filósofos, entre eles, Voltaire, Jean-Jacques Rousseau, Victor Hugo, Marat, Pierre e Marie Curie, René Cassin (direitos do Homem), René Descartes...



Voltaire, poeta, historiador, filósofo. "Expandiu o espírito humano e ensinou-lhe que devia ser Livre"

Finda a minha visita cultural, fui dar uma volta aos Champs Élysées. Numa mistura mística de luzes e pessoas, aos milhares de turistas, num som quase que ensurdecedor pelo movimento pedonal, de viaturas, bicicletas, motos e autocarros turísticos, numa probabilidade remota de encontrar um compatriota português, heis que fixei um olhar....

Pois é... cá está ele

A minha amiga Xana pediu-me que lhe trouxesse um "souvenir" dos Champs. Eu bem me esforcei e até encontrei uma, de encontro aos seus gostos....



Xana, lamento mas por questões de segurança, o meu mano aconselhou-me apenas em levar o meu bilhete de identidade. E ficou o meu cartão de crédito em casa...


Outra desilusão foi a loja da Nespresso. Sendo eu amante incondicional de um bom café e uma vez que na última visita feita a Paris, estava esta loja em construção, quis juntar o útil ao agradável, mas fui informada que o Sr George Clooney, por motivos de força maior não se encontrava nos aposentos da loja. Ora bolas...

Bolas iluminadas nos Campos, luzes e mais luzes. Pena que não posso transmitir o cintilante que eram...

Voltei à noite, até ao Trocadéro, fotografar a tour Effeil, que este ano foi iluminada de um azul fabuloso e cintilando durante 10 minutos por cada hora. Agradeço-te, manito, a tua paciência nessa noite gélida que se fez sentir, mas há momentos de luz que têm de ser recordados.



Bem, e se alguém gostar destes passeios culturo-lúdicos, numa próxima oportunidade que tiver, pode vir comigo! Até lá só me resta dizer "au revoir, tour Effeil, a la prochaine"!


Amanhã, terei de novo a minha bata, estetoscópio e termómetro! Mas uma realidade não menos luminosa...

30 comentários:

Ana Cristina disse...

Mary, adorei a volta contigo por Paris...e olha que conseguiste algo de inédito, já que costumo chocar as pessoas quando digo...que Paris não me diz nada (já lá estive 6 X), hoje fiquei com vontade de lá voltar :-)
beijo

Maria Paula Ribeiro disse...

Bom dia Ana,

Conhecer Paris, aos poucos e cada vez um pouco mais, com outros olhos me fez gostar desta cidade. O GPS do meu irmão também ajuda! Pena que o meu mano e família não me acompanhem dentro dos museus.
A próxima visita será aos Invalides e Bastille.
Informar-te-ei dos voos, :=)
Beijinhos

Bruna disse...

Olá Paula!!!

Sem dúvida que tens uma forma espectacular de transmitir as coisas!E fazer com que quem lê esteja a sentir e a viver o mesmo claro de forma imaginativa!
Adorei, simplesmente Lindo! Quem me dera um Dia... quem sabe!

Beijocas
Hoje aconteceu uma mt boa, tinha acabado de chegar ao trabalho e liga-me a mae em panico
O que foi ? perg eu
Os caes apanharam a roupa toda do estendal!
Nunca Pior!

(precisava de ir com os meninos ai! Andam mal da barriga)

Joel Pinto disse...

Olá Paula...

Quem me dera uma visitazinha a Paris nesta altura do ano... mas o dever do trabalho fala mais alto e a minha conta bancária só agradece o descanso que lhe dou... lol
Gostei imenso da visita guiada e és como eu: foges do tradicional para descobrires novas coisas bem mais interessantes.
Jinho grande

adelaide figueiredo disse...

Olá Mary Paula

Adorei a tua visita a Paris e segui-te. Gostei muito.
Quando voltares continua a mostrar-nos coisas lindas e originais.

Um bom Ano 2009. Tudo de bom para ti.

Beijinhos

Adelaide Figueiredo

neo disse...

Olá Maria Paula
Paris continua uma festa da nossa sensibilidade. é mistica e é um mito que apetece desvendar na companhia de uma cara bonita e alegre como a tua. Imagino as tuas exclamações de surpresa a cada descoberta!!!...
Beijinhos de amizade

Maria Paula Ribeiro disse...

Bruna amiga,

Obrigado. Tento escrever e exprimir o que sinto... mas se passa a palavra, melhor!

Eu e a Susy, já nos rimos do lilo e da lala...se tirem a roupa do estendal, menos mal... próximo passo: ensinar a engomar! =)

Já estou ao serviço, passa quando quiseres.
Beijinhos

Maria Paula Ribeiro disse...

Joel,

Essa da carteira teve imensa piada...;=)
Quando puderes, vale a pena...tal como disseste, a fugir do tradicional e ir à descoberta dos segredos...
Beijo grande amigo.

Maria Paula Ribeiro disse...

Adelaide, amiga...

Ainda bem que gostaste. Sempre que me for possível, escreverei, partilhando as visitas.

Um feliz ano para ti, linda. E vou-te conhecer em 2009! ;=)
Beijinho grande

Maria Paula Ribeiro disse...

Neo, amigo...

A minha cara de espanto engrandecem os meus olhos, LOl LOl
Beijinho grande.

Fada Moranga disse...

Parabens por esta prenda tao bonita e obrigada pela partilha! Foi um belo passeio! Es uma excelente contadora de historias! :-)
Um grande beijo*de Fada

Maria Paula Ribeiro disse...

Olá Fada,

Gosto de partilhar o que tenho e o que não tenho fisicamente, também ;)
E este passeio, foi importante para mim...
Tu sabes do que falo, não sabes?
:=)
Um beijo grande

maria de fátima disse...

Olá Maria Paula gostei muito desta visita a Paris, foi como se eu estivesse lá, quem sabe um dia não passarei férias com o meu marido.Beijinhos de amiga.

Maria Paula Ribeiro disse...

Olá Mimi,

Espero que possas lá ir. Vale a pena, porque a enorme variedade de gostos são satisfeitos.

Bejinho grande

Samsara disse...

Que bala visita guiada, sim senhora!
Gosto muito de Paris, já lá estive 2x a sério, as outras 3 foram de passagem, e adorei sempre. Percorri tudo, foi bom relembrar. Quando a minha pequenina for um pouco maior é um dos sítios que eu quero que ela conheça bem.
Vejo que o teu Natal foi muito especial, afinal tu mereces, ganda manito!
Desejo-te um 2009 fantástico
Beijinhos

Maria Paula Ribeiro disse...

Olá amigalhaça!

Paris é a cidade da luz e como esta é mística!
Esta passagem é fruto de um trânsito... ;)Espero tê-lo vivido, embora no rescaldo, da melhor forma.
Um beijinho grande a ti e tua pequerucha!

António Rosa disse...

Com que então seria um souvenir da Louis Vuiton... Gostei de saber. Está super divertido. Gostei muito dar uma volta contigo por Paris. Já lá não vou há vários anos.

Beijokas e tudo de bom para 2009.

Nem tenho tido tempo de visitar os amigos.

Maria Paula Ribeiro disse...

Olá António,

Se quiseres e puderes podes ir na próxima comigo.

O "souvenir" da Louis Vuitton era para a Xana. Não aprecio adornos. ;=)

Um fantástico e excelente ano para ti, também

Alexandra disse...

Ola miga,
Pois é só promessas !!! Nada de presentes !!! Tava tão entusiasmada com o Deus do café ...E nada nem uma foto !!!!
Da próxima vou contigo !!!
Jorginho.... Aqui vou eu !!!!!!

Maria Paula Ribeiro disse...

Xana, amiga,

Com todo o gosto irás comigo. Nessa altura irei enviar uma providêcia cautelar a Jorginho,para beber uma café connosco! :=)
Beijinho grande

Ana Cavaca disse...

Lindo amiga...comos sabes Paris diz-me muito...que saudades da cidade da luz...
Aproveito a oportunidade para desejar-te boas entradas no novo ano que se avizinha...FELIZ 2009!!!
Bjs e um bom ano

Magda Moita disse...

Bom ano! a todos os que visitam em este canto da blogosfera tão simpático.

Maria Paula, um abraço especial para ti,

beijinhos

Magda

Maria Paula Ribeiro disse...

Ana Cavaca,

Fico contente a dobrar por te ter dado esta oportunidade de relembrar Paris. ;)
Beijinho grande para ti e 15 zé!

Maria Paula Ribeiro disse...

Magda, amiga

Muito agradecida pelos teus votos.

Recebem a dobrar os meus.
Também um abraço fraterno para ti.

Que os teus astros dancem ao som da sinfonia celestial ;)

nathalie disse...

espice di connasse!!!!!
on aurai pu essayer de se voir!
en tt cas t'as vu plus que nous alors qu'on est pas loin!!!!!
bisous cousine!

Maria Paula Ribeiro disse...

Cousines,

espice di abrutiti!!!!!

Tu crois que j´ai eu du temps???? Je n´ai jamais assez de temps, bom dieu!
:=)
La prochaine, on y vas tous les 3, d´ailleurs, j´etait seul car les musées ça n´inspire ni franjin ni nièce, zutte alors.

Gros bisous et bonne Années, bonne santé et crottes au cul tout l´année, lol lol

Vôtre cousine préférrée

Miguel Vieira disse...

Ainda fiquei á espera do telefonema... Quem vai a Paris não pode almoçar em Oliveira de Frades??? Fotos muitos fixes.
Beijinho da Ana e Zolita

Maria Paula Ribeiro disse...

Miguel,

O avião "poisou" as 7.15 da matina, as 9 estava a passar Viseu!
Não queria de jeito nenhum acordar os pombinhos, lol

Beijo grande

Miguel Vieira disse...

Sinceramente, sinceramente tinha que ficar para outro dia, pois nesse domingo tive 2 jogos um de manhã outro á tarde, era só para ver a tua desculpa, mas se tinhas telefonado dava para um café pois a ana trabalha sempre apartir das 8h e eu estava a tomar o pequeno almoço, por volta dessa hora....
Beijinho

Maria Paula Ribeiro disse...

Miguel,

:=( Não sabia....
Fica para um próxima,lol
bj

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...