25/02/2009

O CÃO NA OBRA DE LA FONTAINE


Brifaut, Miraut, Rustaut... Nas fábulas de La Fontaine, os cães têm um papel importante, embora não o principal. De facto, o cão aparece no título de uma dezena de fábulas, mais ou menos conhecidas.

A mais famosa é sem dúvida O lobo e o Cão, na qual se põe em evidência tudo o que opõe estes dois irmãos inimigos. Um lobo enfraquecido se encontra com um robusto molosso. Como não se atreve a atacá-lo, faz-lhe uma série de cumprimentos sobre o seu bom aspecto. O cão convida-o então a levar a mesma vida que ele. É tão convincente com a descrição que o cão faz dessa vida que o lobo se declara imposto a segui-la. Mas de súbito repara que no pescoço pelado pela coleira do seu interlocutor. Ao compreender que a comodidade implica a privação da liberdade, «o lobo largou a correr e ainda hoje continua a correr».

O Lobo e o Cão Magro é uma fábula menos conhecida. Mostra-nos um lobo que tenta apoderar-se de um cão esquelético. Este aconselha-o a esperar que engorde para comer. Mas quando o lobo regressa a casa está guardada por um impressionante mastim que o obriga a fugir.

NÃO FORCEMOS O TALENTO...


Em três fábulas o cão aparece curiosamente ao burro. Em O burro e o Cãozinho, um burro, ciumento dos mimos que o dono prodigaliza ao seu cãozinho, decide fazer como este. Infelizmente, o dono não acha graça nenhuma ao contacto dos cascos do burro e dá-lhe umas boas pauladas.
A fábula começa com uns versos famosos que em França se transformaram em provérbio:

Não forcemos o talento, que nada serviria.

O Burro e o Cão é uma fábula sobre o tema da solidariedade. O burro não quer ajoelhar-se para que o cão possa tirar a comida que leva na taleiga que carrega. Ao aparecer um lobo, o cão nega-se a defender o burro e este é morto.


Muito diferentes são Os Dois cães e o Burro Morto.
Dois cães vêem o cadáver de um burro que o rio arrasta. Um deles é de opinião que têm de beber toda a água para secar o rio e poderem apoderar-se da carcaça Um trabalho tão desmedido que lhes custa a vida. E La Fontaine conclui:

De todos os animais, o cão é tido por cuidadoso e fiel ao seu dono; mas é um tolo e um guloso.


O Granjeiro, o Cão e a raposa é uma fábula mais complexa. Uma raposa consegue introduzir-se num galinheiro e causa uma verdadeira hecatombe. Quando o granjeiro vê o que se passou, apanha o cão e injuria-o de «maldito animal» por não ter sabido impedir a carnificina. O cão responde-lhe: não é ao homem que compete velar pelos seus bens?
Porque ele é que não tem nada a ganhar. «Este animal falava com muito tino», diz o fabulista. Mas o granjeiro deita-lhe as culpas e enche-o de pancada.


Em O Cão que Leva ao Pescoço o Jantar do Dono, são vários os que aparecem em cena. Um deles «põe ao pescoço o jantar do dono». É atacado por um mastim que lho quer tirar e o cão atacado põe a comida no chão, para melhor defender.
Então chegam mais cães, contra os quais não pode lutar sozinho e deixa-lhes o jantar do dono, não sem antes abocanhar o seu bocado. Finalmente, «todos se atiram» e La Fontaine compara esta cena com as relações que se estabelecem entre os homens: o homem honrado acaba por ser como todos os outros.

O Cão a que Cortaram as Orelhas continua a ser actual. Nesta fábula, um cão chamado Mouflar queixa-se da mutilação que lhe fizeram até ao momento em que repara que assim apresentará menos o que filar aos cães com o quais lute. Mas então expõe-se a que eles se lhe atirem o pescoço, pelo que Mouflar acabará por pôr uma grande coleira para se proteger.

...E NÃO DEIXEMOS O CERTO PELO INCERTO


O Cão que Larga a Sua Presa por Um Reflexo é um título que se tornou proverbial, embora nesta fábula o que faz com que o cão largue a presa seja a sua imagem reflectida na água que está prestes a afogá-lo. Por seu lado, os cães que aprecem em O Galo e a Raposa são imaginários. Nesta conhecida fábula, uma raposa tenta convencer um galo a descer do ramo em que se encontra pousado...para o abraçar.
O galo, que se apercebe da armadilha, diz-lhe:

Avisto dois lebréus, que, ao que vejo, são correios para este assunto enviados; vêm depressa e logo estarão aqui, eu desço e assim nos abraçaremos todos.

Acreditando nisto, a raposa foge e o galo diz, todo contente:

Ah, o prazer é a dobrar quando se engana o embusteiro.

Em O Lobo Convertido em Pastor, o cão de Guillot, o pastor, dorme perto do seu dono; mas despertará a tempo de vencer o lobo.
Por toda a obra do fabulista aparecem cães, em geral como inimigos do lobo. Em Os lobos e as Ovelhas, os lobos não respeitam a trégua e estrangulam os cães.
Para La Fontaine, o cão é verdadeiramente a antítese e o adversário do lobo, um tema que se encontra na literatura de todos os tempos. Eis um exemplo mais: em O Lobo, a Mãe e o filho, é um «cão de estrebaria» que estrangula o lobo.

Em A Lebre e a Perdiz, o cão Brifaux deixa escapar o primeiro daqueles dois animais (o nome de Brifaux, vem do verbo francês brifer que significava «devorar»). Mas Miraut e Rustaut encontrarão o seu rasto e conseguirão capturá-lo.

A CADELA E A SUA AMIGA

Na fábula A Cadela e a Sua Amiga, a primeira, que está quase a parir, consegue convencer uma cadela sua amiga a emprestar-lhe sua casota. Depois de parir, nega-se a devolvê-la, chegando mesmo a ameaçar a proprietária com as dentadas da sua prole quando esta crescer. E La Fontaine conclui:

De dar a má gente
nos arrependemos sempre.

E acrescenta:

Dá-se-lhes a mão
e tomam logo o pé.

La Fontaine (Clique aqui)


14 comentários:

Ana Cavaca disse...

Olá Paula,
Ai as fábulas de La Fontaine...só mesmo tu para nos recordares!!!
Obrigada amiga
Bjinho grande

Maria Paula Ribeiro disse...

Oi Ana,

Maître corbeau, sur un arbre perché, Tenait en son bec un fromage.
Maître renard par l'odeur alléché ,
Lui tint à peu près ce langage :
«Et bonjour Monsieur du Corbeau.
Que vous êtes joli! que vous me semblez beau!
Sans mentir, si votre ramage
Se rapporte à votre plumage,
Vous êtes le phénix des hôtes de ces bois»
A ces mots le corbeau ne se sent pas de joie;
Et pour montrer sa belle voix,
Il ouvre un large bec laisse tomber sa proie.
Le renard s'en saisit et dit: "Mon bon Monsieur,
Apprenez que tout flatteur
Vit aux dépens de celui qui l'écoute:
Cette leçon vaut bien un fromage sans doute."
Le corbeau honteux et confus
Jura mais un peu tard , qu'on ne l'y prendrait plus.

A saber de cor e salteado para a aula de francês (Em França!) :-)
E tinha sorte não ser numa apresentação de teatro!

La Fontaine, morava cerca de 30Km de onde eu morava em França, e esta hein????

Beijinhos

maria de fátima disse...

Olá Maria Paula gostei muito de ler sobre estas fábulas do La Fontaine, a maioria eu não conhecia.Beijinhos.

Maria Paula Ribeiro disse...

Mimi,

Na minha primária, e o que se chama de preparatória, estudamos as fábulas de La Fontaine.

Confesso que hoje olho para elas de modo bem diferente. E muitas mais fábulas há.

Vale a pena adquiri-las.
Eu própria, quando puder, irei relê-las

Beijo

adelaide figueiredo disse...

Paula

Adorei as fábulas. Fizeram-me recordar a minha infância :)

Beijinhos

Adelaide Figueiredo

Maria Paula Ribeiro disse...

Adelaide,

E é tão bom recordar, não é?
:-)
Beijo grrrrande amiga!

Samsara disse...

Olá Mary Paula
Estou a ver que és "barra" em fábulas, será que foi também daí que veio o teu interesse por animais? Já tinhas pensado nisso?
Beijinhos

Maria Paula Ribeiro disse...

Olá Sam,

O que te posso dizer, é que este mês de "histórias soltas", me fizeram recuar, bastante tempo atrás, tempo mesmo da minha terra natal, onde me fui apercebendo algumas ligações a um pouco de tudo com a actual: filosofia, escritores, (alguns astrólogos), espiritismo e astrologia (irei "empurrar" este tema nos tempos vindouros, não por agora)

Claro que tudo ligado ao mundo animal

Posso-te dizer, que é no mínimo estranho e ao mesmo tempo muito bom, mesmo muito. (eu sei que entendes)

Em relação aos animais, sempre, sempre que me lembre tivemos animais.
Como vivíamos no campo (em França), os meus pais tinham uma pequena "quintinha" onde, cães, aves, coelhos, ovelhas e cabras não faltavam!
Uns tios meus, tinham cavalos.

Nem imaginas as birras que houve em casa por causa disso. Na altura nem sabias o porquê, mas há uns anos para cá, a minha família me tem vindo a dizer, que eu só podia ter vindo a ser veterinária...:) Meti mesmo muita a gente a barulho por causa dos "bichos"

Enfim... vou juntando as peças do puzzle, e espero continuar a minha busca interna... :)

Beijinho grande amiga

Anónimo disse...

[url=http://kaufencialisgenerikade.com/]kaufen cialis[/url] cialis 20mg
[url=http://acquistocialisgenericoit.com/]cialis acquisto[/url] cialis in farmacia
[url=http://comprarcialisgenericoes.com/]cialis 20 mg[/url] comprar cialis
[url=http://achatcialisgeneriquefr.com/]commander cialis[/url] acheter cialis generique

Anónimo disse...

Hey there, I tɦink үoսr website might Ьe having browser compatibility issues.
Ԝhen I look at your website in Firefox, іt lookѕ fine ƅut
when opening in Internet Explorer, it Һas some
overlapping. I jսst wantеd to ǥive үou a quick heads սp!
Othеr thеn thɑt, terrific blog!

Ϻy site - best canada payday loans

Anónimo disse...

You have to write this things more.There are a wonderful amount of people that suffer by concerns
just like excess weight and increased weight nowadays.
The main reason behind this scenario may be the occupied
existence and unusual program due to which they
are not able to give adequate particular attention on the health and fitness.

Some of them don’t have possibly time to work out.
For them, the easiest way to keep healthy will be to start taking the right supplements.
If you want to forward to to have efficient and certified healthy health supplement,
Yacon Syrup will carry out your preferences to much extent.
The pure extract of Yacon Syrup has long been utilised as an good
weight loss supplement.

my webpage yacon syrup benefits for women

Anónimo disse...

Excellent blog here! Also your website loads up very fast!
What host are you using? Can I get your affiliate link to your host?
I wish my website loaded up as quickly as yours lol

Visit my blog post: Old School New Body review

Anónimo disse...

The Reverse phone lookup will not get those empire four kingdoms
hack combinations. These frosted jellies empire four kingdoms hack are situated at the end of he day.
Jigsaw Puzzles: 5000+ from Bandagames Ji gsaw Puzzl e: 5000+ brings virtual puzzle play to
a pro at it. If we want to get a single swipe, slide, and interactive
mobile games and apps with high level of difficulty and
speed can test your skills against some other skills like Archery and Two-handed.


Also visit my web blog - empire four kingdoms cheats

Anónimo disse...

If you desire to obtain a geat deal from this paragraph then you have to apply such methods to your won webpage.


Here is my web blog: dermefface fx7

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...